Vida

O celular toca repetidas vezes, até cair na caixa postal. 

Insistente, eu ligo de novo. E de novo. E de novo. Após a quarta vez ligando eu deixo cair na caixa postal. 

Suspiro apreensiva.

– Oi, eu te mandei mensagens a um tempo, você não viu.. tô tentando te ligar e você também não atende. Eu queria dizer que eu estou péssima. Eu jurei pra você que ia ficar bem e que eu era forte, mas eu menti. Eu não sou forte, eu achei ser. Dói tudo..

Começo a soluçar em meio as lagrimas. Continuo..

– Dói do topo da cabeça até a ponta dos dedos do pé. É uma dor angustiante. Parece que não tem nada dentro de mim, além de um vazio oco. Eu tentei ficar bem, eu sai, dei risada, zoei.. mas quando eu cheguei em casa e agora que eu deitei na minha cama, tudo veio a tona, entende?. Hoje eu acordei vendo umas fotos coladas na minha parede, e eu sorri pra elas e peguei o celular desesperada achando que tinha perdido uma ligação, uma mensagem ou uma postagem. Mas não, não tinha nem o bom dia que sempre recebi.
Então, hoje a noite eu fui fechar a janela, dela eu consigo ver a castelo, eu lembrei.. assim do nada, uma viajem que eu fiz a um tempo pra Sorocaba. Então eu deitei. E quando eu deitei, eu lembrei de todo o resto que eu estava tentando não pensar. 
Sei que você não é do tipo que acredita muito em Deus, mas dessa vez, dessa vez ora por mim. Ora pra tudo ficar bem, tudo se ajeitar, tudo voltar e ser melhor que antes.. por favor, ora. 

Coloco a cabeça entre as pernas e tiro o celular do ouvido, as lagrimas voltam mais forte.

– Eu tentei de tudo. Eu dei o meu melhor, mesmo que todos achem que não, mas eu dei cara. Eu dei o meu melhor do começo até o fim. E se eu não acordar amanhã, eu não vou estar feliz com toda essa situação. Então me promete uma coisa ta bom? Se eu não acordar amanhã, você promete dizer pra ele o que eu não disse hoje? Você promete contar sobre a surpresa que eu tava elaborando pra daqui dois meses? Você promete convence-lo de que eu dei o meu melhor? E que a vida levou a gente pra esse caminho? Por favor, promete!
Eu tenho que desligar. Me liga assim que puder e desculpa por te ligar assim. 

Desligo o telefone. 

 

Ariane Moura. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s