Amor Próprio

Coisas não ditas

Fale sozinha em frente ao espelho. Fale em público sozinha.

Fale dormindo, mas fale. Porque há tantas coisas não ditas que você deve apenas falar, mesmo que ele não esteja aqui pra ouvir.

Pegue cada pedacinho seu que ficou no chão, depois que ele se foi, e construa um automóvel, um avião, um motivo pra ir embora; só não use todos esses pedaços para construir algo que te faça voltar pra ele.

Beije quantas bocas tiver vontade, se entregue pra todos os braços que se abrirem pra você. Faça tudo o que desejar, só não compare todas as bocas e todos os braços com os dele.

Beba quantas garrafas conseguir, fique bebada e tropece em todas as ruas que andar, só não acabe caindo na porta dele.. batendo em prantos.

Tente amar seu vizinho, seu amigo, seu colega de trabalho ou um desconhecido; só não espere sentada que esse amor por ele um dia se dissipe sozinho até desaparecer.

Apenas diga. Diga todas as palavras que você engoliu seco quando ele decidiu partir. Apenas tente superar, mesmo que superar ainda seja difícil demais, mesmo que suas táticas sejam furadas e cada dia seja uma luta pra dormir sem sonhar com ele.

Um dia, não amanhã, não depois de amanhã ou daqui 3 meses, você vai acordar um dia e perceber.. que você deixou de falar sozinha, deixou de beijar bocas desconhecidas e se entregar pra quaisquer braços abertos.

Deixou de beber e tentar amar loucamente sem sucesso, porque agora você não tem mais nenhum pedaço seu caído por aí que te faça construir meios para partir; porque você encontrou um lugar para repousar em paz, dentro de você mesma.

Ariane Moura

2 comentários em “Coisas não ditas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s